segunda-feira, 29 de junho de 2009

domingo, 28 de junho de 2009

ABSURDO

Reprodução TOTAL do Blog do Jader Moraes (http://www.jadermoraes.blogspot.com/) "Pagar por sexo com menores de idade não é crime!" *Por Jader Moraes Não, eu não estou maluco. É o Judiciário Brasileiro que está!Não bastasse a equivocada decisão de "derrubar" o diploma jornalístico, agora veio com essa: O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu, no dia 15 de junho, que o fato de dois homens de Mato Grosso do Sul terem contratado serviços de três adolescentes garotas de programa não pode ser considerado como crime. O Ministério Público pretende recorrer da decisão. O STJ considerou que não é crime um adulto pagar para manter relações sexuais com menores de 18 anos, considerando que um cliente ocasional não pode ser condenado por exploração sexual porque não foi ele quem iniciou a adolescente na prostituição. O STJ manteve a condenação dos réus pelo crime do artigo 241-B do ECA – adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente – por eles terem fotografado as menores desnudas em poses pornográficas - A decisão é quase uma licença para que o abuso e a exploração sejam cometidos sem punição - opinou afirma Ariel de Castro Alves, membro do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda). - É uma situação inqualificável. Qualquer pessoa que entende minimamente de direito da criança, qualquer cidadão, fica chocado. Como uma corte de Justiça pode tomar uma atitude dessa, contrária a tudo o que a lei determina? A gente fica perplexo - indignou-se o promotor Murillo Digiácomo, do Centro de Apoio Operacional às Promotorias (Caop) de Infância e Juventude do Ministério Público do Paraná. O caso será levado ao Supremo Tribunal Federal (STF), para último julgamento.("Catado" de vários jornais - JB, O Globo, O Dia, Campo Grande News...) ********* Gente, vocês entenderam isso? A gravidade disso? Liberou geral, agora! E mais: Eles foram inocentados por transar com as adolescentes, mas condenados por tirarem fotos delas.Parece piada. E é. Nosso Judiciário já virou uma piada mesmo. Seria cómico se não fosse trágico... Agora o caso vai pro STF. Hahaha, segura essa Gilmar Mendes!!!Acho que já sei o que ele vai dizer: "As meninas podem transar com quiser, afinal vivemos na democracia, viva a liberdade de exposição, ops, expressão! Agora, prostituição é uma profissão que requer técnica. Logo é imprescindível os cursos de kama sutra, dança do queijo e strip-tease. Diploma pras putas*, já!" * desculpa gente, mas não consegui segurar! Mas é o Gilmar Mendes né... Acho que a prostitua, ofendida, responderia: "Vindo de quem é um elogio!"

sábado, 27 de junho de 2009

Reflexões culinárias

"E perguntou-lhe um dos principais: Bom Mestre, que hei de fazer para herdar a vida eterna? Respondeu-lhe Jesus: Por que me chamas bom? Ninguém é bom, senão um, que é Deus. Sabes os mandamentos: Não adulterarás; não matarás; não furtarás; não dirás falso testemunho; honra a teu pai e a tua mãe. Replicou o homem: Tudo isso tenho guardado desde a minha juventude. Quando Jesus ouviu isso, disse-lhe: Ainda te falta uma coisa; vende tudo quanto tens e reparte-o pelos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, segue-me. Mas, ouvindo ele isso, encheu-se de tristeza; porque era muito rico. E Jesus, vendo-o assim, disse: Quão dificilmente entrarão no reino de Deus os que têm riquezas! Pois é mais fácil um camelo passar pelo fundo duma agulha, do que entrar um rico no reino de Deus. Então os que ouviram isso disseram: Quem pode, então, ser salvo? Respondeu-lhes: As coisas que são impossíveis aos homens são possíveis a Deus." Lucas: 18:18-27 Muitas vezes falamos coisas comuns e aparentemente práticas que ao analisarmos não é exatamente como falamos.
Vou assar um bolo, por exemplo. Se pararmos para notar, percebemos que nós não podemos assar um bolo, esse é o trabalho do forno. Compreendemos que essa é uma tarefa impossível para o homem, nunca assamos um bolo só o fogão. Simplesmente ministramos os ingredientes certos e permitimos que o forno faça sua parte. Com essa distribuição de trabalho, temos a alegria de ver os outros saboreando o bolo.
Isso é semelhante ao trabalho do Senhor! Uma coisa é oferecer a casa para um estudo bíblico, juntar os amigos evangelizar, outra e fazer com que creiam e sirvam a Deus. Quando não alcançamos uma vida ou ela não se rende a Jesus, nos sentimos tristes e até incapazes. Devemos observar o óbvio. À semelhança de assar bolos, fazer com que pessoas se tornem cristãs é algo impossível para nós, mas não para Deus.
O que fazemos é ministrar os ingredientes certos, esses ingredientes seriam o nosso amor, nossa casa, nossa evangelização, compaixão e até o nosso testemunho. E confiar no Espírito Santo, por meio de Sua palavra, para fazer a obra.
Quando cooperamos com essa distribuição de trabalho, temos a alegria de ver os outros experimentarem a bondade de Deus.

O que é impossível para o homem é possível para Deus. Faça sua parte e deixe Deus fazer a Dele, essa união será sempre de sucesso!

terça-feira, 23 de junho de 2009

Opinião

O MEC publicou hoje no Diário Oficial da União, uma portaria com normas específicas para credenciamento e avaliação de cursos de mestrado profissional. O Ministério da Educação espera transformar os cursos de especialização (pós-graduação lato sensu) em cursos de excelência em mestrado profissional. O ministro aproveitou essa deixa para deixar sua opinião a respeito da decisão do STF em relação ao diploma de jornalismo. Fernando Haddad disse o jornalismo será bastante beneficiado com a ampliação da oferta de mestrados profissionais.
“Penso que a expectativa dos veículos não é a extinção, mas a qualificação dos cursos de jornalismo. Muitos países não têm a obrigatoriedade do diploma para exercício da profissão, mas têm bons cursos superiores. O jornalismo é um dos pilares da democracia, não podemos desconsiderar as especificidades do exercício da profissão. Mais do que habilidades e competências, um curso de jornalismo deve trabalhar os valores da prática jornalística, preparar bem o profissional que fará a intermediação da informação para o público. Com a decisão do Supremo Tribunal Federal, o mestrado profissional em jornalismo deve ganhar força.”

Reflita

Passeando pelos blogs encontrei este texto perfeito. O autor, Pedro Augusto tem futuro!
Jogue o lixo fora...

P.Augusto

Depois de lacrar um saco de lixo você o reabre para rever o que há lá dentro? Geralmente só remexemos o lixo se algo de valioso tiver sido perdido. Isso, porque lidamos com a hipótese de o termos lançado fora sem querer. Se não é esse o caso, o que tiver ido para o lixo nós não mais veremos e sequer lembraremos de tudo que está ensacado e pronto para sair de nossa casa. Se esse saco ficar conosco ainda por alguns dias, e nós o reabrirmos por qualquer motivo, o cheiro estará insuportável, micróbios existirão aos montes e nossa saúde poderá estar sendo severamente ameaçada.

O mesmo acontece quando guardamos e remexemos tudo o que de ruim já passou por nossa vida. Sempre que deixamos que nossa mente se perca em más lembranças, nós estamos reabrindo um "saco de lixo". É bem provável que esteja aí a causa de muitas doenças físicas e mentais.

Volte um pouquinho seus pensamentos para aqueles que já lhe fizeram algum mal e veja como você se sente. Reveja as mágoas, os ressentimentos, as raivas, os desapontamentos, as desilusões, as decepções e pense no "cheiro" que tudo isso tem. É assim que você remexe os lixos guardados dentro de si. Há quanto tempo eles estão guardados aí? Por quanto tempo você ainda os guardará?

Pergunte-se: "Pra quê me serve toda essa sujeira?" Observe honestamente a resposta.

Sujeira atrai mais sujeira, lixo atrai mais lixo, lembranças nocivas atraem miséria material, física e espiritual. É isso que você deseja para si mesmo? Coloque seus pés no limpo chão do presente: ele é o caminho para um limpo e feliz futuro. Agarre-se às suas metas, busque realizar os seus sonhos, guarde os tesouros já recebidos. Você só merece ser feliz.

Por uma vida mais digna, por um futuro melhor, jogue o que é lixo no lixo. E QUEIME O LIXO!

*Originalmente publicado no blog Liberdade e Expressão de Pedro Augusto http://pedroad.blogspot.com

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Life

The life is short, live with love!!!!!

sábado, 20 de junho de 2009

Falta alguma coisa, eu sei

Tenho vivido em constante reflexão, dividindo a alegria com a insatisfação. Mas antes que digam que estou reclamando é melhor entender que a insatisfação é comigo de ser uma pessoa melhor de ter e construir um mundo melhor. Falta alguma coisa, eu sei. Já identifiquei o que é, preciso mais de Deus. Não basta ter dinheiro, profissão, amigos, preciso estar no centro da vontade do Pai, isso é que me alimenta e me faz forte para os dias maus. Ser religiosa? Não é isso que Deus busca, Ele quer verdadeiros adoradores em espírito e em verdade. A falta de tempo ou as inúmeras tarefas do homem moderno são as vilãs da vida de um cristão. Não é suficiente 10 minutos, não quero fast food. Quero alimento real, derramado do trono de Deus. Preciso de mais, muito mais de Deus. Preciso me doar. Esse desabafo é uma oração, um pedido de socorro aos céus! Pai, falta algo em mim que só encontro em ti, me ajuda! Nem eu sei o que está acontecendo comigo, sinto ausência de algo que já foi forte em mim. O amor que tenho por Ti, ou melhor, o que tens por mim é que me faz grande, me faz vencer. Desejo acordar todos os dias de um sono embalado pelo calor dos braços de Deus, ter um dia direcionado por sua Sabedoria e viver a sua obra e vontade. Sei que ele tem o melhor para mim, estou disposta a viver isso, mas preciso me doar mais! A minha alma clama por mais do Pai, muito mais de Deus!!! Socorro, preciso da Sua presença em mim. Usa-me, capacita-me, mas antes me restaura e enche meu vaso de azeite, eu nasci para te servir!! Quando ouço que Deus que mais de mim, entendo que preciso me dispor mais, participar de sua casa. Isso me completa. Mas não sei fazer sozinha, nem por onde começar, preciso de faxina e trocar os móveis de lugar. Definitivamente, preciso de Deus. Quero abandonar tudo e viver para te adorar, meu sonho sempre foi te servir e agora não vai mudar. Falta alguma coisa, eu sei, mas preciso da ajuda do PAI!
Desabafo de Thayra Azevedo

Versículo do dia

"Olhai por vós mesmos. E, se teu irmão pecar contra ti, repreende-o e, se ele se arrepender, perdoa-lhe. E, se pecar contra ti sete vezes no dia, e sete vezes no dia vier ter contigo, dizendo: Arrependo-me; perdoa-lhe. Disseram então os apóstolos ao Senhor: Acrescenta-nos a fé. E disse o Senhor: Se tivésseis fé como um grão de mostarda, diríeis a esta amoreira: Desarraiga-te daqui, e planta-te no mar; e ela vos obedeceria".
Lucas 17:3-6

Sorria, meu bem

*por Roberta Faria
Há tantos tipos de sorriso quanto de emoções. A gargalhada inesperada, que faz engasgar e sair o refrigerante pelo nariz (e depois gargalhar mais ainda pelo vexame). Risada de fazer lágrimas, queimar a barriga e torcer as pernas para não soltar a bexiga. Tem aquele risinho nervoso, de frio na barriga e vergonha, que dá em montanharussa e nos segundos antes de subir no palco. Tem o riso histérico também, meio grito, meio louco, meio bruxa má do leste. E riso de escárnio, debochado, de quem queria mesmo era estar chutando a canela. Tem quem ria chorando, no fim de filmes felizes (ou quando, apesar da desgraça, ufa, ainda sobrou uma piada). E sorriso sedutor, dado com o melhor ângulo e lançado com as pestanas meio baixas. Tem acesso de riso, que começa de bobeira, pega um, pega outro, e de repente todo mundo está se contorcendo. Sorriso amarelo para as ocasiões sem graça. O apaixonado, que vem suspirando. Sorriso só lábios esticados para as coisas simpáticas. Tem quem ria com os olhos, mesmo que a boca finja não achar graça. E o sorriso a contragosto, quando a vontade é de fazer bico? Tem risadinha de quem fez bobagem. Bom mesmo é riso aberto, largo, com todos os dentes, felicidade pura, um riso assim, de dentro pra fora. E tem sorriso assim, simples, desses que acompanham palavras (de oi, obrigada, tchau) ou despertam por uma música, uma paisagem, um gosto bom – nada de engraçado, a graça está é no jeito de a gente olhar. Mais variados do que os sorrisos, só os motivos para rir.
*Originalmente publicado no http://revistasorria.com.br/blog_sorria/

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Hard or soft????

Decisão da Justiça brasileira é retrocesso de repercussão internacional
"No Brasil, nos últimos 40 anos, a obrigatoriedade do diploma de Jornalismo tem estado ligada tanto às reivindicações trabalhistas dos trabalhadores da comunicação como a exigência de uma informação de qualidade.
O patronato brasileiro batalhava há mais de uma década junto aos tribunais para tornar desnecessária a exigência do diploma em jornalismo.
Neste período de desregulamentação, os meios de comunicação abrem caminho para uma crescente precarização dos jornalistas e criam um prejuizo para a informação democrática".

Paco Audije - Secretario General Adjunto
da Federación Internacional de Periodistas

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Triste notícia - LUTO

STF derruba exigência do diploma para o exercício do Jornalismo

Em julgamento realizado ontem (17), o Supremo Tribunal Federal deu provimento ao Recurso Extraordinário RE 511961, interposto pelo Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão de São Paulo. Neste julgamento histórico, o STF pôs fim a uma conquista de 40 anos dos jornalistas e da sociedade brasileira, tornando não obrigatória a exigência de diploma para exercício da profissão. A executiva da FENAJ se reúne nesta quinta-feira para avaliar o resultado e traçar novas estratégias da luta pela qualificação do Jornalismo.

Representantes da FENAJ e dos Sindicatos dos Jornalistas do RS, PR, SP, MG, Município do RJ, CE e AM acompanharam a sessão em Brasília. O presidente da Comissão de Especialistas do Ministério da Educação sobre a revisão das diretrizes curriculares, José Marques de Melo, também esteve presente. Do lado de fora do prédio - onde desta vez não foram colocadas grades - houve uma manifestação silenciosa. Em diversos estados realizaram-se atos públicos e vigílias.

Às 15h29min desta quarta-feira o presidente do STF e relator do Recurso Extraordinário RE 511961, ministro Gilmar Mendes, apresentou o conteúdo do processo encaminhado pelo Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão de São Paulo e Ministério Público Federal contra a União e tendo a FENAJ e o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo como partes interessadas. Após a manifestação dos representantes do Sindicato patronal e da Procuradoria Geral da República contra o diploma, e dos representantes das entidades dos trabalhadores (FENAJ e SJSP) e da Advocacia Geral da União, houve um intervalo.

No reinício dos trabalhos em plenário, às 17h05min, o ministro Gilmar Mendes apresentou seu relatório e voto pela inconstitucionalidade da exigência do diploma para o exercício profissional do Jornalismo. Em determinado trecho, ele mencionou as atividades de culinária e corte e costura, (pode isso ???) para as quais não é exigido diploma. Dos 9 ministros presentes, sete acompanharam o voto do relator. O ministro Marco Aurélio votou favoravelmente à manutenção do diploma.

Fala de Gilmar: "Um excelente chefe de cozinha certamente poderá ser formado numa faculdade de culinária, o que não legitima o Estado a exigir que toda e qualquer refeição seja feita por profissional registrado mediante diploma de curso superior nessa área", Gilmar Mendes, presidente do STF.

“O relatório do ministro Gilmar Mendes é uma expressão das posições patronais e entrega às empresas de comunicação a definição do acesso à profissão de jornalista”, reagiu o presidente da FENAJ, Sérgio Murillo de Andrade. “Este é um duro golpe à qualidade da informação jornalística e à organização de nossa categoria, mas nem o jornalismo nem o nosso movimento sindical vão acabar, pois temos muito a fazer em defesa do direito da sociedade à informação”, complementou, informando que a executiva da FENAJ reúne-se nesta quinta-feira, às 13 horas, para traçar novas estratégias de luta.

Valci Zuculoto, diretora da FENAJ e integrante da coordenação da Campanha em Defesa do Diploma, também considerou a decisão do STF um retrocesso. “Mas mesmo na ditadura demos mostras de resistência. Perdemos uma batalha, mas a luta pela qualidade da informação continua”, disse. Ela lembra que, nas diversas atividades da campanha nas ruas as pessoas manifestavam surpresa e indignação com o questionamento da exigência do diploma para o exercício da profissão. “A sociedade já disse, inclusive em pesquisas, que o diploma é necessário, só o STF não reconheceu isso”, proclamou.

Além de prosseguir com o movimento pela qualificação da formação em jornalismo, a luta pela democratização da comunicação, por atualizações da regulamentação profissional dos jornalistas e mesmo em defesa do diploma serão intensificadas.

*Originalmente publicado no site da Federação Nacional dos Jornalistas – FENAJ.

SAUDADES

Saudade não tem preço, não tem hora, nem idade Saudade não tem nome, endereço ou identidade Saudade tem tamanho, sentimento estranho que aparece Saudade surge de repente, sem pedir licença, inconveniente Saudade dói, aberto o peito, irrita o coração Saudade faz parte, companheira da perda e do amor Saudade é amiga da distância, da ausência da carência Saudade invisível, me faz sensível Saudade para que saudade? Saudade boa, saudade ruim Tudo sempre será saudade
Thayra Azevedo

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Muda o disco, please

Duas vezes por mês minha casa fica mais colorida, mais alegre, mais cheia. Recebemos a visitinha da minha irmã e do meu cunhado. É sempre uma festa. Eles moram em São Paulo e quando veem é só alegria.
É comida na mesa em variedade, doce, bolo de cenoura ou chocolate. Uma fartura que dura dois dias, sem contar a farra. Na cozinha a farofa sempre sobra para mim (sim eu sou louuuuuuuca por farofa), às vezes a calda do bolo (que só eu sei fazer) e o almoço de domingo. Cozinho com prazer.
O papo do almoço nunca muda (será assim em toda casa?) a maioria das vezes a “pauta” sou eu, ou melhor eu te emagrecido ou engordado. Confesso que essas são as únicas vezes que me irrito, não deveria, pois é rara a visita da minha irmã, mas quem aguenta ouvir falar que está goordo. Meu Deus me tira daqui. Rsrs
Tento levar na esportiva, a maior parte não rola. Esse fim de semana não foi diferente. Estava eu indo me arrumar e ouvi minha vó me zuar: “A Thayra está magérrima”. Para que este papo DESNECESSÁRIO, muda o disco pelo o amor que tenha a Deus. Não adianta. A minha vó vai continuar a insistir, ainda mais com a minha irmã junto (ela é magérrima). Para ter noção ela veste P e eu, nem te conto... vou falar, visto G de Gente Gentil. (risos, inventei now).
Mas que graça tem toda oportunidade que ela tem de vir à Volta Redonda, insiste em continuar com a mesma música de péssima qualidade, que irrita meus ouvidos! Realmente engordei de novo. Tinha perdido 5 kg que resolveram retornar. Mas você acha que vou admitir? Acho melhor não, com peso de mulher não se brinca.
Se ela vier com o mesmo assunto vou ter que falar, como diz um professor meu, estou em forma, a forma que escolhi para ter meu corpo.
Agora é sério. Esse recado vai para ela. Irmã muda o disco, please!!!!!!
Thayra Azevedo

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Selo de ouro

Hoje é um dia de surpresas. Fui indicada pelo blog Doce Essência http://docessencia.blogspot.com/ para receber o selo Mouse de Ouro. Estou feliz pelo reconhecimento. Obrigada querida.
O que representa o Prêmio Mouse de Ouro:
O reconhecimento aos blogueiros que transmitem amizade, gentilezas, respeito, carinho. Prêmio criado com a intenção de promover a confraternização entre os blogueiros na Blogosfera. Quem recebe o Prêmio Mouse de Ouro e o aceita deve seguir algumas regras:
1- exibir o selo
2- linkar o blog pelo qual recebeu o prêmio
3- escolher outros blogs a que queira entregar o prêmio.
Quem me conhece sabe que fico surpresa, mas para agradecer a gentileza eu aceito. No caso de indicação, fica até injusto. Para não dar brigas, eu recomendo TODOS os blogs que estão ao lado direito da página. São os que eu acompanho!
Beijos amores
Fiquem com Deus

domingo, 14 de junho de 2009

quinta-feira, 11 de junho de 2009

In love

Feliz dia dos APAIXONADOS

Versículo do dia

"Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera;"
Efésios 3:20

terça-feira, 9 de junho de 2009

Relato de um universitário comum

Tive que usar este espaço para falar que estou arrazada!!!
Ontem fiz uma provinha de Redação Jornalística (TV).
A prova esta super fácil. Eu estou por dentro do assunto,
mas depois que sai da prova notei que esqueci de colocar
algo de suma importância em uma das respostas.
Estou chateada, pois isso vai consumir alguns pontinhos meus.
Tenho certeza que esse é um relato de um universitário
comum, a preocupação com as provas. Ahhhhhhhhhhh.
Socorroooooooooooo....... rsrs

segunda-feira, 8 de junho de 2009

Plásticos constituem maior parte de lixo no mar, diz ONU

Relatório afirma que nível de lixo no mar está aumentando e pede políticas responsáveis

Estadao.com

- Produtos plásticos - como garrafas, sacos, embalagens de comida, copos e talheres - formam a maior parte do lixo encontrado no oceano, segundo um relatório do Programa Ambiental da ONU (Unep, na sigla em inglês) publicado nesta segunda-feira para marcar o Dia Mundial dos Oceanos.

Em algumas regiões, esses produtos correspondem a 80% do lixo encontrado no mar. O documento tenta mostrar aos governos de diferentes regiões ao redor de 12 dos principais mares quais os principais problemas, numa tentativa de apontar caminhos para a solução.

Segundo a ONU, não há um número exato da quantidade de lixo boiando nos mares, porque os dados coletados são mais precisos em algumas regiões e menos precisos em outras, mas a Unep afirma que as evidências são de que a quantidade de lixo está aumentando. "O lixo marinho é sintomático de um problema maior: o desperdício e a persistente má administração dos recursos naturais. Os sacos plásticos, garrafas e outros lixos se acumulando nos oceanos e mares poderiam ser reduzidos drasticamente por uma política de redução de lixo, administração e iniciativas de reciclagem", disse Achim Steiner, sub-secretário geral da ONU e diretor executivo da Unep.

"Parte deste lixo, como os sacos plásticos finos que só podem ser usados uma vez e sufocam a vida marinha, deveriam ser proibidos, ou rapidamente tirados de circulação em todo lugar - não há mais como justificar a fabricação desses sacos em nenhum lugar."

"O lançamento de outros dejetos pode ser cortado aumentando a consciência do público e usando uma série de incentivos econômicos e mecanismos de mercado inteligentes que façam a balança pesar a favor da reciclagem, redução ou reutilização de produtos, em vez de jogá-los no mar", disse Steiner.

Plástico

Os compostos tóxicos do plástico podem ser encontrados nos organismos que o consomem, diz o relatório, afirmando que o produto pode ser confundido com comida por vários animais, inclusive mamíferos marítimos, pássaros, peixes e tartarugas.

As tartarugas marinhas, em particular, podem confundir sacolas plásticas boiando com águas-vivas, um de seus alimentos favoritos.

Uma pesquisa de cinco anos com fulmaros glaciais - um pássaro encontrado na região do Mar do Norte - concluiu que 95% desses pássaros continham plástico em seus estômagos.

Segundo o relatório, além de produtos plásticos, pontas e maços vazios de cigarro e de charuto estão entre os produtos mais encontrados nos oceanos, correspondendo a 40% do lixo encontrado no Mar Mediterrâneo.

O turismo também têm impacto significativo sobre o estado dos oceanos e costas em todo o mundo.

Em algumas áreas do Mediterrâneo, mais de 75% do lixo é produzido durante a temporada de verão, com forte presença de turistas.

Atividades costeiras correspondem a 58% do lixo encontrado no Mar Báltico e quase metade do lixo encontrado no mar na região do Japão e da Coreia do Sul.

O relatório ainda conclui que a maior parte do lixo marinho vem de atividades baseadas em terra firme.

Segundo o Unep, o problema do lixo marinho é particularmente grave na região dos mares do sudeste asiático - onde vivem 1,8 bilhão de pessoas, 60% delas nas áreas costeiras.

Prejuízo

A ONU também atribui o aumento da poluição ao crescimento econômico e urbano, além das atividades marítimas.

Além dos problemas de saúde e para a vida marítima, o lixo nos mares também provoca prejuízos econômicos, afirma o documento, com barcos e equipamentos de pesca danificados e contaminação de instalações para turismo e agricultura.

O custo de limpeza das praias de Bohuslan, na costa oeste da Suécia, foi de pelo menos U$S 1.550.200, em apenas um ano. No Peru, a cidade de Ventanillas calculou que teria de investir cerca de US$ 400 mil por ano para limpar sua costa - o dobro do orçamento para a limpeza de todas as áreas públicas.

A ONU ainda recomenda a imposição de altas multas para embarcações que jogarem lixo no mar e a suspensão de taxas para o processamento do lixo nos portos, para desestimular o despejo nos oceanos. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

domingo, 7 de junho de 2009

Parabéns Tia ângela

Hoje, 7 de junho é o dia de uma pessoa muito importante em minha vida, Tia ângela, minha amiga, irmã em Cristo, segunda mãe e minha discipuladora.
Tia obrigada por sonhar comigo, obrigada por acreditar em mim.
Um dia estava Deus a pensar... Em seu coração o desejo imenso de criar...
Alguém que Ele pudesse amar; Alguém que pudesse amar; Alguém que existisse para ser feliz. Então Ele teve uma ideia! Resolveu, com amor e ternura, criar você: por amor e para o amor.
Nesse momento, Deus exultou de alegria em saber que você, do jeitinho que é, iria se tornar realidade.
Assim, toda a criação esperou, radiante, para ver tamanha obra prima das mãos do Criador. E esse dia aconteceu.
Você veio a existência e, para a alegria de toda humanidade, você nasceu.
Você é importante, você é inspiração amorosa do Pai do céu. Parabéns Tia Ângela.
Seja feliz, hoje e sempre!!! Que Deus te abençoe. Amo muito você.

Versículo do dia

“A minha alma disse ao SENHOR: Tu és o meu Senhor, não tenho outro bem além de ti”.
Salmos 16:2

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Dia Mundial do Meio Ambiente

No Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado hoje 5 de junho, não poderia deixar de postar algo relacionado, como ando correndo contra o tempo, não deu tempo de produzir um texto sobre, mas prometo colocar minhas ideias sobre isto em breve, já que sou uma ambientalista assumida. PRESERVE o Meio que você vive.
Carioca vende bicicletas biodegradáveis de bambu na Dinamarca
* Alexandre Mansur
As bicicletas já são um meio de transporte ecológico, porque não gastam combustível nem poluem. Imagine se forem descartáveis. O desenhista industrial carioca Flavio Deslandes vende biclicletas biodegradáveis, com armação de bambus, na Dinamarca. Ele desenvolveu o produto numa parceria com uma empresa de bicicletas de lá, a BioMega. O plano e fazer 100 unidades este ano. Vinte já foram vendidas para os ciclistas dinamarqueses. As bicicletas, que tem hastes de bambu no lugar dos tubos de alumínio convencionais, são feitas artesanalmente. Custam a partir de 3800 euros.
Flavio começou a pesquisar os bambus em 1995, quando estudava na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Pedalando pelas ciclovias da Lagoa Rodrigo de Freitas e das praias do Rio, ele teve a ideia de adaptar os bambus e fazer uma bicicleta com quadro biodegradável. Desde então, foram anos de pesquisa para descobrir as melhores técnicas para cortar e tratar os bambus. Além de como adapta-lo às necessidades da estrutura da bicicleta. Fiel às origens, Flavio usa nas bicicletas dinamarquesas bambus que manda trazer do interior do Rio. “Usar os bambus para montar uma bicicleta é mais difícil do que fazer uma cadeira ou mesa”, diz Flavio. “O quadro da bicicleta é submetido a vários esforços e pressões enquanto se pedala.” Ele precisa agüentar os trancos na rua, o peso do ciclista e a trepidação do terreno irregular. Isso também é uma vantagem do bambu, segundo Flavio. “O bambu tem características próprias, diferentes do metal ou carbono usado nas bicicletas”, diz. “Ele combina flexibilidade e rigidez. Com isso, a bicicleta oferece mais conforto. Se você souber montar da forma adequada, uma bicicleta com estrutura de bambu funciona como um sistema de amortecedor, que absorve as vibrações do terreno. Isso é natural do material. Tanto que a vara de pescar de bambu é mais flexível do que a de fibra de carbono”, afirma. O desafio é como lidar com a deterioração do material. A bicicleta fica do lado de fora, exposta à chuva e ao sol. Flavio diz que a durabilidade da bicicleta de bambu é a mesma que uma de alumínio ou carbono, por conta dos produtos químicos que ele usa para tratar o material natural.

“No entanto, se um cliente quiser o bambu sem tratamento, por que é mais ecológico, então ela vai durar menos ou requerer uma manutencão mais constante”, diz. Pode parecer difícil convencer muita gente a gastar alguns milhares de euros para comprar uma bicicleta que, mesmo bem cuidada, não dura mais do que dez anos. Para Flavio, esse é justamente parte do charme do produto. Flavio prefere não usar tratamentos químicos pesados, que poderiam prolongar a vida do bambu. Mas que significariam, para ele, um caminho no sentido de um material mais artificial. “A ideia é o oposto”, diz. “Faz parte da história saber que o bambu vai se decompor. O bambu é biodegradavel. A tendência é ele se desmanchar na natureza. Isso pode ser positivo para o meio ambiente. Se você enterrar aquilo, depois de alguns meses, virou poeira.” É uma extensão da filosofia de baixo impacto ambiental que o transporte ciclístico já tem. Agora, a pesquisa de Flavio é para projetar uma bicicleta com toda a estrutura de bambu. Hoje, ele ainda usa metal nas juntas. Seu plano é substituir por materiais orgânicos biodegradáveis. Aí, depois de algum tempo, bastaria mesmo apenas descartar a armação da bicicleta, como fazemos com casca de frutas. E transferir as peças metálicas, como a roda e as marchas, para outra estrutura também perecível.
Originalmente publicado no Blog do Planeta (http://colunas.epoca.globo.com/planeta/)

quinta-feira, 4 de junho de 2009

O melhor de DEUS ainda esta por vir....

Só Deus pode criar, mas você pode valorizar o que ele criou...

Só Deus pode dar a vida, mas você pode transmiti-la ...

Só Deus pode dar a fé, mas você pode dar os seus testemunhos...

Só Deus pode dar a paz, mas você pode semear a união.....

Só Deus pode dar a força, mas você pode apoiar quem desanimou..

Só Deus pode dar o amor, mas você pode ensinar seu irmão a amar....

Só Deus pode dar alegria, mas você pode sorrir para todos....

Só Deus é o caminho, mas você pode indicá-lo aos outros....

Só Deus é a luz, mas você pode fazê-la brilhar para todo o mundo...

Só Deus é a vida, mas você pode dar aos outro a alegria de viver...

Só Deus faz o impossível, mas você pode fazer sempre o possível...

Só Deus faz milagre, mas você pode fazer um sacrifício para receber esse MILAGRE.

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Parece de gente grande

Esses dias foi aniversário da minha afilhada caçula, a Ester, como sempre não poderia deixar de comprar um presente para minha princesinha. Quem não sabe, eu tenho quatro (4) afilhados, dois casais, cada um mais lindo que o outro.

Comprei um vestido que foi feito para mim, a minha cara. Parece que estou vestindo minha filha, e não deixa de ser. Rosa, estilo clássico e de bolas. SOU EU uhul \o/.

Vestidinhos para Ester

Vou mandar fazer tamanho gande para mim!

Casa de bonecas? EU QUERO

Casa de jardim de uma mansão
Passeando pelos blogs, encontrei um post com esta figura. Que casa linda, fofa, um sonho. Estréio agora o marcador EU QUERO.
Se a casa de jardim é assim, não quero nem imaginar a casa normal, ou melhor, a mansão.
EU QUERO!!