sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Quem sou eu?

*PG
Quem sou eu?
Pra que o Deus de toda terra
Se preocupe com meu nome
Se preocupe com minha dor
Quem sou eu?
Pra que a estrela da manhã
Ilumine o caminho
Deste duro coração
Não apenas por quem sou
Mas porque tu és fiel
Nem por tudo o que eu faça
Mas por tudo o que tu és
Eu sou como um vento passageiro
Que aparece e vai embora
Como onda no oceano
Assim como o vapor
ainda escutas quando eu chamo
Me sustentas quando eu clamo
Me dizendo quem eu sou
Eu sou teu Eu sou teu Quem sou eu?
Pra ser visto com amor
Mesmo em meio ao pecado
Tu me fazes levantar
Quem sou eu?
Pra que a voz que acalma o mar
E acaba com a tormenta
Que se faz dentro de mim
A quem temerei?
A quem temerei?
Eu sou teu
Eu sou teu

Cuidado: Produtos 'naturais' para emagrecer têm mistura de remédios pesados

* Luis Fernando Correia
O FDA, agência reguladora do mercado de medicamentos e alimentos dos Estados Unidos, publicou uma lista com produtos pretensamente naturais misturados com medicamentos. Esses produtos antes vendidos livremente foram retirados do mercado de forma voluntária pelos fabricantes ou recolhidos pelas autoridades. Todos eram vendidos como suplementos naturais para emagrecimento. A primeira lista foi publicada em dezembro de 2008, com 28 marcas.
Quando foram analisados nos laboratórios, a surpresa: dentro da pílulas foram encontrados medicamentos como anfetaminas, diuréticos, laxantes e sedativos. O mercado relacionado com o emagrecimento, somente nos Estados Unidos movimentou US$ 56 bilhões em 2008. Para este ano, mesmo com crise econômica, a previsão é de um crescimento de cerca de 15% nos gastos com suplementos dietéticos, tratamentos médicos e cosméticos.
No Brasil, a Agência de Vigilância Sanitária também vem atuando nesse mercado, recolhendo produtos de forma constante nos últimos anos. Em 1997 o Conselho Federal de Medicina publicou uma resolução proibindo a prescrição associada de anfetaminas e outros medicamentos com fins de emagrecimento.
Um jornal da comunidade brasileira no estado de Massachussets relatou a apreensão de comprimidos para emagrecer naturais, contrabandeados do Brasil para os Estados Unidos, onde eram vendidos como tratamentos naturais. Uma brasileira foi internada com sintomas cardíacos causados pelos remédios, o que acabou levando à fonte das pílulas.
A solução mágica para emagrecer infelizmente não existe. Somente uma dieta equilibrada, exercícios físicos e hábitos saudáveis de vida podem ter um efeito duradouro, sem colocar a saúde em risco.
*Luis Fernando Correia é médico e apresentador do "Saúde em Foco", da CBN. Matéria originalmente publicada no g1.globo.com

Momentos Guarapari

Não conseguiria colocar todas as fotos, mas como almejei, coloco uma foto da paisagem. Uma que mostra a 'cultura' ambiental do lugar e, claro, uma minha com minha mãe. Eu aconselho todos a visitarem a cidade e, o Espírito Santo. Caso deseje uma pousada para ficar, que seja próximo ao mar, fale comigo, que posso até dar um descontinho! rsrs
Guarapari, um perfeito paraíso, praias azuis da cor do céu!
A cidade cuida do Meio Ambiente, Lixo é no Lixo! "Favor retirar seu saco de lixo aqui"

Eu e mamãe!

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

My returned

Retornei! Estou de volta. Começa tudo outra vez. Não acredito! Quero mais férias!!!!!!!! rsrs
Agora é sério. Wake up. O mundo e a vida continuam. Feriado como este, longoooo, não sei quando terei de novo. Foi maravilhoso enquanto durou. Retornar à terra de meu pai, meu avó. É hora de continuar a vida, pensar nas maravilhas que Deus criou. Estou de volta.
Vivi durante aproximadamente uma semana, dias maravilhosos, em um paraíso. Estive 'literalmente’ fora do ar e de férias. Comi muito, torrei no sol, nadei no mar, andei na areia, revi lugares e pessoas e, comemorei meu um ano de namoro. uhul \o/ I’m happy.
Estreando, agora de verdade, a sessão Pé na estrada, I believe that esta é apenas a primeira de muitas viagens de 2009. Então, fica registrado meu retorno.
*Em breve fotos e relatos do passeio.

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Intimidade

Intimidade com o Senhor eu quero ter Pois é na Sua intimidade que eu conheço o Teu querer Intimidade com o Senhor pra contemplar O grande amor de Deus que comigo sempre vai estar"
* Ministério de Adoração da Igreja Internacional da Graça de Deus letras

Isto é possível? Cachorro faz esteira?

(Cena flagrada, ontem, terça-feira (17), em um pet shop em Tijuana)
Como de costume, o globo.com publica coisas curiosas. Está aí mais uma ‘figura’ um tanto inusitada. Um cachorro, da raça Bulldog chamado Hulk Hogan, fazendo esteira. Tudo isto porque está acima do peso. Onde foi isto? Na China! Rs
*Originalmente publicada no globo.com

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Música

Em uma conversa descontraída com meu namorado, lembrávamos do passado, antes de namorarmos e de nos reencontrarmos. A música lembrada foi Pensando em Você do Pimentas do Reino, hoje apenas PIMENTAS. Essa letra e tudo que fazem é lindo, romântico e mexe com o interior. Nesse papo, ele me solta que a banda é evangélica. Na hora duvidei, será? Resolvi pesquisar e encontrei matérias sobre eles e a história. Colo aí um texto que responde minhas dúvidas: “...Sucesso e dinheiro não são objetivos primordiais da banda. Pimentas é um projeto de Deus, e acima de qualquer coisa, o seu legado é levar as boas novas, é despertar as pessoas para a busca da Paz Interior, que sabemos nós, se encontra no Amor. Temos conhecido pessoas por todo país, e cada história, uma lição, cada vida, um aprendizado, cada vazio, uma carência de Deus”. "...Gospel?! Secular?! O que é o Pimentas? Somos música para quem quiser ouvir, independente da crença, religião, cor, gênero ou classe social”.
*André Shiavone, atualmente lidera a banda.
----------------
Pensando em você Pimentas – Henrique Cerqueira
Estava satisfeito só em ser teu amigo
Mas o que será, que aconteceu comigo?
Aonde foi que eu errei?
Às vezes me pergunto se eu não entendi errado
Grande amizade com estar apaixonado
Se for só isso logo vai passar
Mas quando toca o telefone será você?
O que eu estiver fazendo eu paro de fazer
E se fica muito tempo sem me ligar
Arranjo uma desculpa pra te procurar
Que tolo mas eu não consigo evitar
Porque eu só vivo pensando em você
É sem querer, você não sai da minha cabeça mais
Eu só vivo acordada a sonhar
Imaginar nós dois
Às vezes penso ser um sonho impossível
Uma ilusão terrível será?
Eu já pedi tanto em oração
Que as portas do seu coração
Se abrissem pra eu te conquistar
Mas que seja feita a vontade de Deus
Se ele quiser então, não importa quando, onde
Como eu vou ter seu coração.
Eu faço tudo pra chamar sua atenção
De vez em quando eu meto os pés pelas mãos
Engulo a seco o ciúme
Quando outro apaixonado quer tirar de mim sua atenção
Coração apaixonado é bobo
Sorriso teu e eu me derreto todo
O teu charme, teu olhar
Tua fala mansa me faz delirar
Mas quanta coisa aconteceu e foi dita
Qualquer mínimo detalhe era pista
Coisas que ficaram para trás
Coisas que você nem lembra mais
Mas eu guardo tudo aqui no meu peito
Tanto tempo estudando teu jeito
Tanto tempo esperando uma chance
Sonhei tanto com esse romance
Que tolo mais eu não consigo evitar
Porque eu só vivo pensando em você
É sem querer, você não sai da minha cabeça mais
Eu só vivo acordado a sonhar
Imaginar nós dois
Às vezes penso ser um sonho impossível
Uma ilusão terrível será?
Eu já pedi tanto em oração
Que as portas do seu coração
Se abrissem pra eu te conquistar
Mas que seja feita a vontade de Deus
Se ele quiser então, não importa quando, onde
Como eu vou ter seu coração !!!

Rio de Janeiro

Passando no blog do Jader Moraes, li um de seus textos que conta sua experiência, passada no último domingo, no Rio de Janeiro. Segundo ele, o que viu foi um Rio diferente, o Rio que antes conhecia apenas nos noticiários policiais.
Imagina-se que Jader sentiu na pele o que os cariocas passam todos os dias, o medo da violência. Ele com suas palavras revelou-me um conjunto de sentimentos. No contexto sentimental, deixou escapar características que me chamaram a atenção, como a segurança, a fé e esperança. Quem desejar passe depois lá e leia. www.jadermoraes.blogspot.com Posto agora a música que me veio à mente no momento que lia a descrição dos fatos.
Nossa Lagoa em dias de sol
*Nadia Santolli
Apesar disso tudo, o Rio continua lindo A lagoa em dias de sol, pra lembrar... Que a paz se esconde em algum lugar Apesar disso tudo, o Rio continua lindo. A beleza do azul desse céu, desse mar... Está no olhar dessa gente; Segue e canta uma melodia de paz Paz! Pra o Rio de Janeiro. paz! Pra o ano inteiro. Paz no meio dessa guerra! Pra quem não se nega, Pra quem se entrega, haverá verdadeira paz Muito além das notícias, existe paz em meio à guerra. Derramada lá dentro do coração... De uma gente que acredita e aceita a salvação Que Deus abençoe o Rio... e sobre ele seja a sua paz!

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Lixeiras resolvem?

Passeando pelas ruas da cidade, a cada dez passos ou dois, encontro lixos jogados ao chão e, próximos a eles lixeiras vazias. Será que a nova moda é jogar lixo no chão? Não sei. Aparentemente isto revela pessoas ‘más’ educadas, que não respeitam a própria ‘casa’. Todas as cidades possuem lixeiras, mas possuem também lixos no chão. Estranha cultura de jogar coisas no chão. Se existe um lugar próprio para depositar os resíduos, ou coisas que não mais queremos e usamos, qual a razão de deixar pelas ruas e calçadas? Será que só lixeiras resolvem? O trabalho delas ainda é pequeno. Usadas por poucos e esquecidas pela maioria. Um dos pensamentos mais atrasados é o de acreditar que se pode jogar lixo no chão, porque depois os garis irão varrer. Que atraso! Jogar na lixeira não irá tirar o emprego deles, pelo contrário, trará benefícios majoritários. Uma boa ação mostrará a evolução humana, contribuirá para a natureza, ajudará no trabalho dos ‘limpadores’ de ruas, entre mil e outros resultados. Tudo na vida depende de nossas escolhas. As pessoas pensam em preservar a natureza sim, porém só quando tiver 10 litros de água para toda a humanidade. Será tarde, muito tarde. Depende de nós. O futuro do planeta está em nossas mãos. Apenas as lixeiras sozinhas não resolvem, nós somos os principais responsáveis por nossa ‘casa’. Responsáveis pela destruição da camada de ozônio, fúria das águas, desmatamentos, animais em extinção e morte de milhões de pessoas. A culpa infelizmente é nossa. Ainda há tempo de mudar. Caso comece a preservar a natureza hoje, não será preciso chorar no futuro. Busque em você uma consciência. Não só ambiental, mas uma consciência humana e amor ao próximo e ao meio que se vive. Apenas lixeiras não resolvem!
Thayra Azevedo

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Curso de jornalismo terá revisão das diretrizes curriculares pelo MEC

Foi publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira (13), a Portaria Sesu nº 203. Esta portaria designa que a Secretaria de Educação Superior (Sesu) constituiu uma comissão de especialistas para subsidiar o Ministério da Educação na revisão das diretrizes curriculares do curso de jornalismo. Ela funcionará durante 180 dias e se reunirá pela primeira vez na quarta-feira (19). Para a secretária de Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari Bucci, as diretrizes em vigor abrangem toda a área de comunicação social e são pouco específicas para a formação em jornalismo. “A intenção é garantir um melhor processo formativo para o profissional do jornalismo, já que a diversidade e as peculiaridades da profissão não são hoje contempladas pelas atuais diretrizes”, afirma. As diretrizes curriculares orientam as instituições de educação superior no processo de formulação do projeto pedagógico de um curso de graduação. As diretrizes do curso de jornalismo foram estabelecidas pelo Conselho Nacional de Educação (CNE) em 2001.
* Texto adaptado do site do Ministério da Educação (MEC)

Intercâmbio em Portugal na área ambiental

Recebi um release ontem que mexeu comigo. O Instituto de Desenvolvimento, Estudos, Ações e Implementações Sociais de Volta Redonda (Ideais) está com inscrições abertas para intercâmbio em Portugal. Até aí nem me fez diferença. Porém, na última linha estava dizendo que o intercâmbio será na área ambiental. Juro que eu queria ir.
Para quem pode aproveitar esta oportunidade, as inscrições são feitas pelo e-mail alessandrafrancisco@yahoo.com.br. Podem participar jovens entre 18 e 30 anos, com Ensino Médio ou Curso Superior.
O candidato pode optar por ficar um mês ou seis meses, de acordo com as atividades escolhidas. Os participantes terão as despesas pagas pelo Instituto.
Esta é uma oportunidade fantástica. Quem for irá aprender muito, acredito eu. Não perca as oportunidades que estão à sua frente.

Do Guimarães

"O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta.O que ela quer da gente é coragem".
João Guimarães Rosa

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

A ideia

De onde ela vem?! De que matéria bruta Vem essa luz que sobre as nebulosas Cai de incógnitas criptas misteriosas Como as estalactites duma gruta?! Vem da psicogenética e alta luta Do feixe de moléculas nervosas, Que, em desintegrações maravilhosas, Delibera, e depois, quer e executa! Vem do encéfalo absconso que a constringe, Chega em seguida às cordas do laringe, Tísica, tênue, mínima, raquítica ... Quebra a força centrípeta que a amarra, Mas, de repente, e quase morta, esbarra No mulambo da língua paralítica
Augusto dos Anjos

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Vale-Cultura deve sair depois do Carnaval

*Agência Brasil O Vale-Cultura, benefício proposto pelo governo federal para ampliar o acesso da população às opções culturais, deve ser anunciado logo depois do Carnaval. A informação foi divulgada hoje pelo ministro da Cultura, Juca Ferreira, durante o Encontro Nacional com Novos Prefeitos e Prefeitas, em Brasília. O valor definido para o benefício é de R$ 50 e será válido para assistir a peças de teatro e para a compra de livros. Segundo o ministro, apenas empresas que pagam impostos com base no lucro real poderão disponibilizar o Vale-Cultura aos trabalhadores. “É muito parecido com o Vale-Refeição mas, no lugar de alimentar o estômago, vai alimentar o espírito. Estamos formatando a proposta, já há um grau de entendimento grande. O presidente Lula é um entusiasta porque você, no lugar de apenas fomentar a produção cultural, vai fomentar o acesso. Precisamos garantir que a cultura chegue ao povo brasileiro e o Vale-Cultura é um instrumento de acessibilidade”, disse Ferreira. Ele adiantou que o processo de negociação está “em fase final”. Apesar de admitir que a próxima e última etapa é “difícil”, o ministro está confiante de que o projeto será provado no Ministério da Fazenda.
*Matéria original do JB online

A liberdade

A liberdade é algo que me cativa A vejo como nuvens brancas de pureza A me rondar como uma estrela guia A liberdade tem cores e formas Depende apenas do tempo que a desejo ter Da intensidade e maneira que eu quero ser A liberdade pode ser colorida, limpa e conhecida Pode ser uma palavra, um gesto ou uma gíria Pode ser em outro dialeto, em várias formas e poesia A liberdade é expressão da alma, é inspiração A liberdade é correr pelos campos e vales É pensar com a razão, agir com emoção A liberdade é ter opiniões Poder expressa-las sem intenção A liberdade pode ser encontrada no outro Pode ser percebida em você E praticada no mundo A liberdade é um direito Sentir-se livre vem de você
Thayra Azevedo

FLOCOS DE SAUDADE

Tantas saudades flutuam em meus dias, algumas são como flocos de neve, efeitam os meus sonhos com nuvens macias Há beleza nas imagens que se vê, mas são intocáveis, desmancham-se ao vento São somente lembranças passadas, visões de paraísos desfeitos, Flocos de neve brancos e macios, derretem-se antes de um novo dia, transformam-se em lágrimas cristalinas que levam os olhos e a alma, para esperar tudo renascer à luz do sol.
João Pedro
*Originalmente publicado no blog In my mind de João Pedro

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Especialista afirma que ingerir muita água pode ser 'folclore'

O médico François Lette, da Mayo Clinic de Jacksonville, maior centro de medicina integrada do mundo, afirma que ingerir muito líquido é uma recomendação sem base científica – um folclore que tomou corpo no início da década de 90. De uma maneira geral, há uma falta de evidências claras sobre os benefícios – ou ausência de benefícios – para a ingestão de grandes quantidades de água, como por exemplo, melhor hidratação da pele ou perda de peso. Um consumo maior de água só se justifica em alguns casos, como o dos praticantes de esporte, o de pessoas que vivem em clima quente e seco, e ainda, o de pessoas que sofrem algum tipo particular de problema de saúde, como o de pedras nos rins. Nosso cérebro pode ser considerado um computador potente. Beber oito copos de água por dia, como recomendam alguns especialistas, não significa a obtenção de benefícios para a maioria das pessoas. O ideal é que se beba o suficiente para matar a sede. É muito frequente a recomendação para que se consuma líquidos como forma de prevenir a flebite (inflamação da membrana interna das veias, geralmente das pernas), durante viagens longas. Quanto a isso, o especialista em medicina de viagem recomenda que os passageiros caminhem pelo avião ou usem meias de compressão em caso de preocupação. Os resultados dos estudos de François Lette foram publicados na edição de setembro de 2008 no jornal médico The Lancet.
*Fonte O Dia online
- - - - - - - - -
- - - - - - - - -
Publico esta pesquisa porque eu sou uma das pessoas que mais bebo água que conheço, depois de minha irmã. Por dia são 4 litros.

Cria em mim

Cria em mim ó Deus, cria em mim ó Deus Um coração puro E renova, e renova um espírito inabalável Não retires de nós o teu espírito Não retires de nós o teu espírito Quero aprender com meus erros E não mais cometê-los Sei que não vai ser tão fácil Mas, difícil é continuar no erro E viver no mesmo desespero E ficar para trás Eu quero se...eer eu quero se...eer Um homem segundo o coração de Deus Eu quero se...eer eu quero se...eer Um homem segundo o coração de Deus Cria em mim ó deus, cria em mim ó Deus Um coração puro E renova, e renova um espírito inabalável Não retires de nós o teu espírito Não retires de nós o teu espírito Quero aprender com meus erros E não mais cometê-los Sei que não vai ser tão fácil Mas, difícil é continuar no erro E viver no mesmo desespero E ficar para trás Eu quero se...eer eu quero se...eer Um homem segundo o coração de Deus
*Voz da Verdade

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Paixão

Tu em mim, despertas a melhor sensação Nunca imaginei sentir esse conjunto de sentimentos Não saberia que meus sonhos, seriam suas ações Te amo meu amor Teu sabor é melhor que mel Teu cheiro o melhor perfume O teu corpo meu cobertor Te quero para um tempo chamado sempre Pode ser o sempre dos nossos abraços Pois não bem sei o que sentes O sussurrar de sua voz é a música de minha alma O brilho do seu sorriso alumia minha alvorada O olhar penetrante, revela o quanto deseja ser minha calma A sensação do seu toque mostra-me o calor do amor Que sei que sentes quando ligado está em mim
Thayra Azevedo

Fonte alternativa de abastecimento no Ingá

Prefeitura de Volta Redonda pode transformar parque em reserva estratégica de captação de água

* Chrystine Mello

O diretor do Saae de Volta Redonda, Paulo César de Souza, deve entregar nos próximos dias ao prefeito Antônio Francisco Neto um estudo de viabilidade para que o Parque Natural Municipal Fazenda Santa Cecília do Ingá, localizado em Santa Cruz, volte a ser uma fonte de abastecimento de água para a cidade. A ideia de transformar o parque num manancial de água existe há mais de dez anos, mas só depois do acidente ambiental no Rio Paraíba do Sul, em novembro do ano passado, quando milhares de peixes morreram depois que a empresa Servatis, em Resende, deixou vazar um pesticida no rio, foi colocado novamente em pauta. O projeto foi apresentado pelo gerente da Divisão de Botânica da Secretaria de Meio Ambiente, Sílvio da Fonte Alves, conhecido como Silvinho do Meio Ambiente, durante audiência pública realizada na Câmara de Vereadores, no final do ano passado, promovida pela vereadora Neuza Jordão (PV). "Há mais de dez anos estamos tentando chamar a atenção para o Parque do Ingá. Precisou acontecer esse acidente para a fichar cair", ressaltou Silvinho. Ele lembra que a prefeitura comprou o terreno em 1955 para construir uma represa a fim de abastecer Volta Redonda, o que aconteceu somente no início da década de 1960. A captação de água da represa foi suspensa depois que passou a ser feita no Rio Paraíba do Sul. Hoje, a cidade conta apenas com a Estação de Tratamento de Água do Belmonte. Segundo Silvinho, a água da represa vem do Córrego Santa Tereza, que tem quase todas as nascentes dentro de Volta Redonda. Enquanto o estudo não fica pronto, Silvinho aguarda com expectativa o processo de licitação para o cálculo para dragagem da represa. Este projeto foi feito em 2005 pelo IPPU (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano) e aprovado pela extinta Feema (hoje Instituto Estadual do Ambiente, Inea). "Este é o pontapé inicial. Mas não é só dragar, tem que recuperar todas as nascentes e áreas degradadas existentes dentro do parque, fazer a recomposição da mata ciliar", destacou o gerente da Divisão de Botânica. A área da represa é de 3.942 metros quadrados e a dragagem precisará ser feita em quase a sua totalidade. Projeto prevê também restauração do parque O estudo de viabilidade está sendo feito por um grupo de trabalho criado pelo prefeito através de um decreto. Fazem parte da equipe, além do diretor do Saae e de Silvinho, os secretários de Meio Ambiente, Carlos Amaro, e de Administração, Carlos Macedo, o coordenador da Vigilância Sanitária, Luiz Carlos Imperial, o procurador do Saae, Antar Nader, e o engenheiro da autarquia, Patrick James Kent. "Por enquanto ainda não tenho dados de quanto poderemos captar de água no parque, mas o estudo ficará pronto nos próximos dias", informou Paulo César. Silvinho explicou que a intenção é que o abastecimento fique restrito em caso de um acidente ambiental. No entanto, também dependerá dos estudos a definição de que bairros poderão ser abastecidos para manter o sistema funcionando. "Nem que, inicialmente, seja para abastecer somente o próprio parque, que é abastecido por caminhão pipa. O que não pode é ficar parada porque, quando for preciso usar, pode apresentar problemas", ressaltou o idealizador do projeto. Além da recuperação da represa, ele ressalta que a ideia é de que haja a restauração do parque, que é a maior reserva ecológica da cidade e a maior reserva ambiental da região, com 211 hectares. "Mais de 90% dos moradores de Volta Redonda desconhecem o parque. Depois que a represa for recuperada e o parque restaurado, ficará mais atrativo para a população", disse, considerando que o número de visitantes do parque é irrisório. Além de atrair mais visitantes, a vereadora Neuza Jordão acredita que a restauração do parque também poderá fazer com que cresça a procura por parte dos estudantes. "Este é um espaço em que vale à pena investir. Não só na questão da captação de água, mas também na educação ambiental. Levar alunos de escolas, universidades e cursos técnicos voltados para o meio ambiente para lá, envolvendo a parte teórica com a prática", ressaltou. Hoje existem dois projetos de educação ambiental desenvolvidos no parque: o Ingazinho, voltado para crianças e que acontece nas quartas-feiras, e o SOS Queimadas, voltado para adolescentes e realizado às quintas-feiras. "O parque tem potencial para realizar esses projetos todos os dias, atingindo um número ainda maior de crianças e adolescentes", frisou. Com relação aos universitários, são poucos que utilizam o parque para pesquisas, o que, se espera, possa mudar a partir desse projeto.

Matéria do Jornal Foco Regional - edição 405 - 9 a 15 de fevereiro de 2009.

domingo, 8 de fevereiro de 2009

A importância do equilíbrio

O que é MEFE? Pode não ter ouvido isso antes, pois bem vamos lá. Essa sigla, aparentemente desconhecida, é algo muito importante em nossas vidas. Nós, seres humanos, somos feitos de carne, alma e espírito. Existe uma “teoria” que Deus deseja colocar em nossos corações e, que seja real em nossa vida. É o equilíbrio MEFE - Mente, Espírito, Físico e Emocional. Você alguma vez parou para pensar que se uma coisa não vai bem em você tudo desencaminha? É verdade, agora sim podemos tratar do equilíbrio MEFE, vamos defini-lo como uma teoria, que é o equilíbrio e a harmonia entre elementos fundamentais de nossa vida. Todos precisam, antes de tudo, praticar essa teoria. Deus deseja que tenhamos equilíbrio da Mente, Espírito, Físico e Emocional. Quando os quatro elementos estão em harmonia, somos pessoas corajosas, dedicadas, amáveis, buscamos a presença de Deus. Nosso emocional fica bom e, radiamos felicidade. É impossível agradar a Deus com tudo desregulado. A mente é a área de maior conflito nos cristãos, é o alvo de ameaças do diabo, ela precisa ser tratada e protegida, para isso temos que buscar a Deus. É preciso vigiar e orar, pois se a seta chegar ao coração é um passo para a ação. Em Efésios, Deus já diz para usarmos o capacete da salvação que representa a proteção mental. Devemos ser sóbrios e vigiar, porque o diabo anda em derredor. Depois vem o Espírito, a base da nossa comunhão com Deus, através dEle podemos nos comunicar e ouvir o que o Senhor tem para falar. Sem o Espírito Santo não somos capazes de adentrar na presença do Pai, nem falar com autoridade sobre a palavra e o amor de Jesus. Somos feitos de corpo, alma e espírito. Deus pede para adorarmos em Espírito e em verdade, porventura com um espírito enfraquecido, é possível sentir alegria de viver? Ou nos sentimos frios e afastados de Deus? O Senhor é espírito, e pede para orarmos sem cessar, buscar tua presença, tua sabedoria e discernimento, assim, somos capazes de vencer as barreiras e não nos frustrar em nossas escolhas, pois Ele sempre está na direção. O físico, o que revela nossa aparência, é a habitação do espírito, somos templo e morada do Pai, se Ele deixou um trono de glória para morar em nós, a nossa função é cuidar de Sua casa. O cansaço é o maior vilão, sempre arranjamos desculpas, entretanto precisamos nos alimentar, e buscar o equilíbrio. Deus diz em sua palavra: “chegai a mim todos que estais cansados que vos aliviarei”. E por fim, o emocional, o psicológico, quando ele está bem tudo ao nosso redor parece colorido. Ele ruim, nada feito. O emocional e o psicológico caminham acoplados, e contribuem para quase 100% de nosso desempenho individual. Logo nossa tarefa é saber que a alegria e forças vem de Deus, e descansar nEle. “Deleita-te também no Senhor, e ele te concederá o que deseja o teu coração”. Salmo 37:4. Não há como caracterizar o elemento mais importante. Os quatro caminham em conjunto, a fim de nos trazer a felicidade completa, a que Deus nos oferece. Por isso é tão importante praticar e manter o equilíbrio MEFE. É algo vindo do coração de Deus. Em Gálatas fala de nove frutos do espírito, precisamos pelo menos ter cinco, pois tê-lo em um dia pode ser fácil, mas mantê-lo todos os dias é uma tarefa árdua. Peça a Deus seu equilíbrio.
Thayra Azevedo

Florzinha mais experiente

Ontem foi o dia da minha linda. A Fê completou mais uma etapa de sua vida.

Como posto meus momentos happy, eis aí uma foto da comemoração no Mistura Clássica, regada de refrigerante malte de limão, para quem não sabe é ice sem álcool. E, com direito a ‘saideiras’ de graça. Isso porque as mulheres ficavam gritando o nome do gerente (penso que seja gerente), rs, Jacaré, Jacaré, Jacaré...

Minha folrzinha está mais experiente.

Parabéns para a the best sister of the world.

te amo minha linda!

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Se um cachorro fosse o seu professor

Você aprenderia coisas assim:

Quando alguém que você ama chega em casa, corra ao seu encontro. Nunca perca uma oportunidade de ir passear. Permita-se experimentar o ar fresco do vento no seu rosto. Mostre aos outros que estão invadindo o seu território. Tire uma sonequinha no meio do dia e espreguice antes de levantar. Corra, pule e brinque todos os dias. Tente se dar bem com o próximo e deixe as pessoas te tocarem. Não morda quando um simples rosnado resolve a situação. Em dias quentes, pare e role na grama, beba bastante líquidos e deite debaixo da sombra de uma árvore. Quando você estiver feliz, dance e balance todo o seu corpo. Não importa quantas vezes o outro te magoa, não se sinta culpado...volte e faça as pazes novamente. Aproveite o prazer de uma longa caminhada. Se alimente com gosto e entusiasmo. Coma só o suficiente. Seja leal. Nunca pretenda ser o que você não é. E o MAIS importante de tudo... Quando alguém estiver nervoso ou triste, fique em silêncio, fique por perto e mostre que você está ali para confortar. A amizade verdadeira não aceita imitações!!!

Aniza

Procuram-se professores

Assunto volta e meia retorna ao foco, e seria insensatez escapar dele: os dilemas e dificuldades impostos à educação brasileira. Já há algum tempo havia a constatação pelas secretarias municipais e estaduais, e mesmo pelas escolas particulares, da carência de professores para determinadas disciplinas, como a física, de 5ª a 8ª série e do ensino médio.
Carência não nos quadros, pois não adianta fazer concurso ou abrir vagas, porque eles não aparecem. Carência no mercado, pura e simplesmente.
Agora o problema chega à frieza dos números. O recém-divulgado Censo de Educação Superior, feito pelo Ministério da Educação (MEC), mostra que pelo segundo ano consecutivo caiu o número de universitários formados nas disciplinas específicas para o magistério. Em 2007, formaram-se 70.507 professores, 4,5% a menos do que em 2006 e 9,3% a menos do que em 2005. As maiores quedas ocorreram em ciências sociais, letras, geografia, química e filosofia. Para suprir essa carência, criou-se uma distorção paralela à de idade-série do aluno: a de formação/prática do professor.
De acordo com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Nível Superior (Capes), também do MEC, há 300 mil professores com "desvio de conteúdo", dando aulas em disciplinas nas quais não se formaram.
Voltando ao exemplo da física, a carência é suprida por matemáticos. Ou professores de história que dão aula de geografia. O diagnóstico para o problema é invariável: baixos salários e a consequente pouca valorização da profissão, que joga a auto-estima do profissional no chão. O quadro se agrava com a desaceleração da abertura de instituições de ensino, principalmente particulares, depois de 10 anos de expansão.
Apesar de essas instituições serem voltadas para cursos de formação de profissionais de rápida absorção pelo mercado de trabalho, é mais um dado preocupante. O ritmo de abertura de cursos presenciais nas instituições já existentes também caiu, em favor dos cursos a distância, em geral dirigidos para estudantes já fora da idade regulamentar e longe dos grandes centros, não necessariamente para a formação de professores.
O MEC anuncia planos de longo prazo, como a expansão das universidades federais, a criação de 28 institutos tecnológicos, acordos com 19 estados para capacitação de 360 mil professores públicos e a bolsa de iniciação à docência. Mas e os salários? Estão abaixando mais ainda. No Rio, por exemplo, o prefeito Eduardo Paes acaba de alterar a política salarial de 30% dos servidores. Não teve alternativa, sob o risco de enfrentar, ainda no primeiro ano de governo, restrições da Lei de Responsabilidade Fiscal para contratar funcionários e mesmo à possibilidade de ser obrigado a demitir.
Paes cancelou um decreto de Cesar Maia que vinculava o percentual de reajuste ao salário mínimo de servidores com cargos de nível médio e fundamental. Quase todos os funcionários passarão a receber aumentos inferiores aos que vinham obtendo até então. O contexto é de crise econômica internacional, com seqüelas inevitáveis sobre o país. Além da falta de dinheiro, essa crise nos remete à baixa escolaridade do trabalhador brasileiro, queixa recorrente do próprio empresariado. E assim o círculo vicioso vai girando e se tornando cada vez mais viciado.
Editorial EDUCAÇÃO – Jornal do Brasil desta quarta-feira (4) de fevereiro.

sobre as guerras...

“O brutal conflito que ali se verifica já não sensibiliza ninguém. Com as tecnologias visuais, o mundo habituou-se a ver a mais terrível das catástrofes como um fato corriqueiro, cotidiano, que não mexe mais com os sentimentos. Ficamos brutos ou voltamos a ficar. Quando vemos as cenas de crianças mortas, duvidamos se é foto para propaganda ou teatro para tentar justificar as posições de cada um”.
*José Sarney, ex-presidente da República, atual presidente da Câmara dos Deputados, sobre o conflito em Gaza.

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Visitinha aos amigos

Gente, hoje foi um dia happy, estive de volta ao lugar de onde sai. Na verdade seria onde comecei minha vida profissional, my first estágio. Que foi no departamento de MKT da FOA. Como me intrometi na rádio, tive direito à foto com um dos ouvintes vencedores da Promoção de Verão Rádio UniFOA. Aos amigos que matei as saudades, Giovana Damaceno, Wendel Dias, Ananda Valente, Fabíola Campbel, Edson, Maíra Vilela, Jader Matos, Jô muitos beijos e abraços. Posto aí a fotinha. Paty, a vencedora e euzinha! *Foto Douglas Gonçalves
beijos Wendel, Anandinha e titia Gio!

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Volta Redonda 'moderninha'

Abri meu orkut nesta quarta-feira e vi as atualizações de uma amigo que está em City of London ou melhor Londres, na Inglaterra, e me deparei com uma foto e uma legenda um tanto inusitada, e tinha que postar aqui.
A foto é de um parkimetro de Londres, que é igualzinho ao de Volta Redonda, porém preto. Por este motivo meu amigo colocou a legenda: “Volta Redonda está moderna.” Concordo com ele, comparar uma cidade do interior do Brasil com Londres é um pouco diferente, mas neste caso vale o ‘elogio’.
Foto de Dinho Aragão

As sete verdades sobre o bambu

Depois de uma grande tempestade, o menino que estava passando férias na casa do seu avô, o chamou para a varanda e falou: - Vovô, corre aqui!! me explica como esta figueira, árvore frondosa e imensa, que precisava de quatro homens para abraçar seu tronco se quebrou , caiu com vento e com a chuva, e este bambu tão fraco continua de pé? - Filho, o bambu permanece em pé porque teve a humildade de se curvar na hora da tempestade. A figueira quis enfrentar o vento. O bambu nos ensina sete coisas. Se você tiver a grandeza e a humildade dele, vai experimentar o triunfo da paz em seu coração. A primeira verdade que o bambu nos ensina, e a mais importante é a humildade diante dos problemas, das dificuldades. Eu não me curvo diante do problema e da dificuldade, mas diante daquele, o único, o princípio da paz, aquele que me chama, que é o Senhor. Segunda verdade: o bambu cria raízes profundas. É muito difícil arrancar um bambu, pois o que ele tem para cima ele tem para baixo também. Você precisa aprofundar a cada dia suas raízes em Deus e na oração. Terceira verdade: Você já viu um pé de bambu sozinho? Apenas quando é novo, mas antes de crescer ele permite que nasça outros a seu lado (como no cooperativismo). Sabe que vai precisar deles. Eles estão sempre grudados uns nos outros, tanto que de longe parecem com uma árvore. Às vezes tentamos arrancar um bambu lá de dentro, cortamos e não conseguimos. Os animais mais frágeis vivem em bandos, para que desse modo se livrem dos predadores. A quarta verdade que o bambu nos ensina é não criar galhos. Como tem a meta no alto e vive em moita, comunidade, o bambu não se permite criar galhos. Nós perdemos muito tempo na vida tentando proteger nossos galhos, coisas insignificantes que damos um valor inestimável. Para ganhar, é preciso perder tudo aquilo que nos impede de subirmos suavemente. A quinta verdade é que o bambu é cheio de 'nós' (e não de eu's). Como ele é oco, sabe que se crescesse sem nós seria muito fraco. Os nós são os problemas e as dificuldades que superamos. Os nós são as pessoas que nos ajudam, aqueles que estão próximos e acabam sendo força nos momentos difíceis. Não devemos pedir a DEUS que nos afaste dos problemas e dos sofrimentos. Eles são nossos melhores professores, se soubermos aprender com eles.
A sexta verdade é que o bambu é oco, vazio de si mesmo. Enquanto não nos esvaziarmos de tudo aquilo que nos preenche, que rouba nosso tempo, que tira nossa paz, não sermos felizes. Ser oco significa estar pronto para ser cheio do Espírito Santo. Por fim, a sétima lição que o bambu nos dá é exatamente o título do livro: ele só cresce para o alto. Ele busca as coisas do Alto. Essa é a sua meta.
Padre Léo

Estudo afirma que rugas não são apenas questão de aparência

As rugas do rosto não são apenas resultado de herança genética, mas podem ser produto de outros fatores, como o divórcio, o excesso de peso ou o consumo de medicamentos, segundo um estudo americano realizado com pares de gêmeos.
"A herança (genética) de um indivíduo indica inicialmente de que maneira ele envelhecerá, mas se você introduz certos fatores em sua vida, pode ter certeza de que vai envelhecer mais rápido. Da mesma maneira, se você evita estes fatores, pode reduzir os sinais da passagem do tempo", explicou Bazhaman Guyuron, presidente do departamento de cirugia estética do University Hospitals Case Medical Center.
O trabalho acompanhou 186 pares de gêmeos univitelinos, que têm a mesma composição genética. Os resultados indicam que os indivíduos que se divorciaram pareciam dois anos mais velhos, estando o seu irmão casado, solteiro ou mesmo viúvo. O uso de antidepressivos também foi claramente associado a uma aparência mais envelhecida.
Além disso, entre os gêmeos com menos de 40 anos, verificou-se que, se um dos irmãos está acima do peso, parecerá mais velho que o outro. A situação, no entanto, se inverte depois dos 40 anos, quando o irmão mais gordo aparentará menos idade.
"O estresse pode ser o denominador comum que explica a aparência mais velha", estimou Guyuron. O estudo será publicado na revista médica online Plastic and Reconstructive Surgery", da sociedade americana de cirurgiões estéticos.
*Com informações Portal Terra

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Do Pessoa

"Quem não vê bem uma palavra não pode ver bem uma alma."
Fernando Pessoa

Nada é novo

Neste domingo, eu ouvi uma palestra muito interessante e que me fez refletir além da conta. Há um tempo Deus tem me mostrado que a era pode passar, porém coisas iguais e com pessoas diferentes acontecem em todo mundo. As traições, amores impossíveis, mortes, alegrias... nada é novo diante dos céus. Isto me trouxe a reflexão da palestra, a vida é feita de escolhas, eu fiz a minha, e todos os dias sou intimada a escolher o caminho que devo seguir, direita ou esquerda, o bem ou o mal. As escolhas que faço hoje refletem em meu amanhã. A vida nos obriga a crescer, e nessas etapas de amadurecimento as escolhas nos surgem como uma obrigação, e cabe a mim escolher o que penso ser o melhor. Ouvi estes dias que existe uma forma de descobrir como a nossa opção foi certa. Se ela trouxer alegrias para todos ao meu redor e para mim, nem que seja futuramente, este foi o melhor caminho, caso traga desavenças e tristezas, escolhi a porta errada. Milhares de vezes eu já cruzei o caminho errado, porém ao chegar a determinado ponto, encontrava em Deus uma saída, como sempre encontro, Ele ajuda a solucionar os erros, por se capaz de amar a todos seus filhos e perdoar. Eu erro todos os instantes, preciso estar vigilante para não cruzar o caminho errado, pensando estar certo. Deus sabe o que é melhor para nós. Ao chegar no buraco, na escuridão, encontro luz no fim do túnel, uma espécie de refúgio para os meus medos e ao final a solução para as tribulações. Escolho todos os dias que atitude tomarei, entre o bom humor e o mau, entre a alegria e tristeza, ser uma pessoa bacana ou má. Tudo depende de escolhas. Nada é novo. O que vale ressaltar é que eu passo por isto hoje, amanhã pode ser você, auxiliamos uma ao outro. E a velha história que tudo se copia? Será? Penso que existe repetições, eu posso viver a mesma situação que você e ter outra reação, isto porque eu escolhi como reagiria. A vida é feita de escolhas e nada é novo, apenas regride ou evolui, mas sempre alguém passará por algo como eu. É impossível fugir, tudo está no controle do Criador.
Thayra Azevedo

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Be happy

Hoje eu acordei de uma forma diferente
Pensando nas escolhas que fiz durante a vida
E que tudo será inovador daqui para frente
Acordei amando ainda mais quem amo
Apreciando a natureza e a beleza
Adorando mais a Deus e toda sua criação
Acordei feliz, acredito eu
Desejando a você dias de luz
Dias de benção e preosperidade
Que realize seus sonhos
E se sinta feliz como eu!