quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Um anjo chamado Miguel

Há dois dias entrei em uma das redes sociais que faço parte e li a frase de uma amiga que me deixou muito abalada e ao mesmo tempo curiosa para saber o que representava.Tive a triste notícia de que ela tinha perdido o bebê, com cinco meses de gestação. O amor e a forma com que ela falava de Miguel eram tão fortes, que pensei que ele tinha nascido e depois virado anjo.

Cada palavra que ela disse, cada lágrima que derramou, a tristeza que sentiu me abalaram e mexeram profundamente comigo. Não foi apenas a perda de um bebê, foi a perda do filho dela, do que ela já amava tanto e teve cinco meses de relação. Uma relação tão profunda que só que é mãe é capaz de sentir.

Era um feto, mas tinha vida, era seu primeiro filho. Fruto de uma mulher que sonha em ser mãe e construir uma linda família.

Nenhuma palavra é capaz de consolar ou mudar a dor que ela está sentindo, pois fazem apenas duas semanas que Miguel se tornou anjo. O que mais me emociona é mesmo o amor, a profundidade da dor que ela e seu marido estão passando. Ela está triste, com razão, e até mesmo chateada com Deus. Ela não está errada, mas não sabemos a razão de Deus ter permitido esse ocorrido. Um dia, talvez, possamos entender, aceitar, mas por enquanto o que temos é orar para esses mesmo Deus, que por suas razões fez de Miguel um anjo, pois Ele sabe de tudo, consolar e amenizar a dor. Minha amiga ainda está nova, tem muita vida pela frente e ainda terá outro ou outros anjos, mas que ficarão aqui na terra, para cuidar dela. Força amiga. Força.

Abaixo a poesia que ela fez para seu anjo.

Hoje o dia não amanheceu igual aos outros que já se passaram! O dia hoje está nublado, a brisa ainda não soprou! O sol uniu-se com a minha tristeza e hoje não brilhou! Ontem já passou e o hoje vem pra me lembrar que não posso esquecer o ontem, mas preciso viver o hoje com coragem para ter esperanças no amanhã! Mas como posso viver o hoje se o ontem persiste em ser hoje? Talvez queira me lembrar? Talvez queira me ensinar? Talvez possa aprender... Desde aquele dia, que te descobrí dentro de mim, fiquei assim... com um turbilhão de emoções inexplicáveis! Me sentia importante, me sentia guardiã por carregar e proteger em meu ventre uma vida, um pedacinho de mim mesma que após nove meses teria vida própria! Isso é dádiva de Deus: o milagre da vida sendo gerado em mim! Eras tão pequeno e me trouxeste grandes alegrias! Foram cinco meses de muita cumplicidade, de muitas descobertas e de muito amor e carinho entre nós! Como você era bem vindo, meu filho! E veio o dia, em nossa cumplicidade total, que notei sua inquietude constante e o sinal. E como sua mãe, senti no meu ventre, na minha alma, a hora da sua partida! Foi um momento inexplicável, inesquecível foi a batalha entre a vida e a morte! A mamãe sabe que você, filho, lutou a favor da vida, afinal, foram cinco meses de intenso convívio! Filho, meu filho, meu anjo, você é único pra mamãe e pro papai! O que ONTEM era dor, HOJE é saudade! Fui sua mãe e descobri em você a alegria e a dor da maternidade! Desfrutei ao máximo cada segundo pois o momento é único! Fui agraciada por Deus! Ele nos escolheu para que fizéssemos parte um do outro! Onde quer que você esteja, vou te amar por todo o sempre, meu amor! MIGUEL... MEU ETERNO ANJO-AMOR!

Nathy Brandão

11 comentários:

  1. Força à sua amiga!
    Belo depoimento...

    ResponderExcluir
  2. Força, isso que ela precisa. Obrigada, querido.

    ResponderExcluir
  3. Que emocionante esse texto.
    Força para a mãe do anjo!!!

    ResponderExcluir
  4. Ola Pessoal. Sou o PAI do MIGUEL!!!
    Muito obrigado pela Homenagem!!!
    Meu FILHINHO meu ANJINHO... PAPAI sempre te AMARA!!!

    ResponderExcluir
  5. Minha flor,
    É impossível não chorar de emoção ao lembrar do meu anjo e em saber que mesmo com a distância, você continua sendo minha 'guxa', sempre cheia de dedicação.
    É bem verdade que não só meus olhos choram, mas a tbm a minha alma, mesmo sabendo que meu filho está lá, ao lado de Deus.
    Essa saudade me consome, dia e noite. É tão difícil, amiga! Será que um dia, irei superar essa dor, que insiste em ser forte todos os dias, a todo momento?

    Obrigada por tudo, sempre!
    Beijo no seu coração, que é tão grande, tão cheio de amizade e de carinho!

    Beijo especial pra quem comentou! :)

    ResponderExcluir
  6. Sou tia do Miguel e madrinha desse anjo especial. Falar dele ainda emociona bastante, é uma emoção misturada com dor que faz chorar e questionar o porquê de tudo isso... Mas o tempo vai amenizar tudo isso, fazer entender e aceitar a vontade de Deus. Força pra essa irmã que amo de paixão e esse cunhado gente fina.
    Grande bj..

    ResponderExcluir
  7. A perda de um filho não é fácil. Eu e minha esposa passamos por isso há mais de 20 anos e até hoje ainda incomoda.

    ResponderExcluir
  8. Deus nos dá os seus melhores anjos, e com certeza a passagem de Miguel veio para modificar sua vida Nathy. Não feche as cortinas da sua janela, isso impede que você possa apreciar e até mesmo cultivar o lindo jardim que Deus preparou pra ti alí fora.

    Linda sua homenagem!!! Que o amor de Deus preencha seu vazio.
    bjoss
    Leslie

    ResponderExcluir
  9. Olá! Eu sou avó do Miguel,fiquei muito triste com o acontecido,mas eu sei que tudo tem a mão de Deus. O Senhor veio em sonho falar para a Nathy não chorar mais pois Ele daria Samuel pra ela e quem sabe a historio de Sameul, sabe o que eu quero dizer! Creio que Jesus vai dar outro filhinho pra eles e vai ser tão lindo e amado como Miguel ja era. Sofri calada e sempre orando pedindo sabedoria pra eles.... Afinal era um bebe amado por todos e deixou saudades muitas saudades mesmo. Obrigado a todos e Deus abençõe a cada um que por aqui passou.

    ResponderExcluir
  10. Quero agradecer cada um que leu, se solidarizou. Os que comentaram e outros que falaram para mim que leram este texto e se emocionaram. Fica aqui minha homenagem à minha amiga, seu marido e, claro, ao Miguel. Deus sabe de tudo, e tenho certeza que está contemplando esta família. E em breve teremos a notícia de um novo anjinho a caminho! *-*

    ResponderExcluir
  11. Sei bem o que etao passando, pois a 4 meses e 20 dias passei o mesmo, estava de 8 meses, a dor e a saudade vivem comigo, peço a Deus que um dia possamos entender tudo o que aconteceu, mais jamais esqueceremos nossos anjos....Força para voceis...Erimeide

    ResponderExcluir

Seu comentário é de suma importância. Ele será exibido após minha aprovação. Obrigada. Volte sempre. Thayra Azevedo